Uma das preocupações nas despesas domésticas é como poupar no supermercado. Embora pareça difícil, a realidade não é assim tão má.

Apesar de existirem muitas dicas e formas de poupar, decidi trazer-vos as minhas 7 dicas quando vou às compras.

1. Fazer uma lista

Esta dica pode ser a mais dada e divulgada, contudo, é mais do que necessária. Já tentei inúmeras vezes ir às compras sem ter uma lista feita. Resultado? Acabava por me esquecer do que ia comprar e, com isto, trazia outras coisas que, sinceramente, não eram o foco da altura. Assim acabava por gastar mais e até acumular algumas coisas que não eram tão necessárias na despensa.

Para evitar este cenário de desperdício a todos os níveis, optei por fazer uma lista do que tenho na despensa e analisar o que está em falta. Com base nisso, acabo por fazer a minha lista de compras e compro somente o necessário.

Doces de pastelaria

2. Não ir com fome

Outra dica que parece cliché mas, na verdade, não é. Quase todos (se não mesmo todos) os supermercados possuem diversos “micronegócios” no seu interior, incluindo uma padaria e pastelaria. Ora o que isto tem de importante para este ponto? O cheiro a pão quente que se espalha pelo supermercado e que influencia nas compras.

Fiz uma experiência: ir às compras no supermercado sem ter comido e sem uma lista de compras. Após analisar o que tinha comprado, verifiquei que:

  • Permaneci menos tempo no supermercado (queria comer);
  • Estava com maior irritabilidade e sem paciência para compras – queria era despachar o assunto;
  • Apesar de tudo, trouxe mais coisas do que realmente precisava;
  • Não resisti a comprar produtos da pastelaria.

Por isso, é importante ir às compras com o estômago “forrado”. Além de haver maior paciência para fazer as compras e escolhas mais conscientes, a probabilidade de trazer mais do que se precisa ou comprar produtos da pastelaria reduz significativamente.

Como poupar no supermercado

3. Comparar os preços nos negócios da região

Como poupar no supermercado se não analisares os preços? Este é, sem dúvida, um dos aspetos mais importantes. Para isso é preciso analisar-se os supermercados que existem perto de casa e considerar a comparação dos mesmos produtos no comércio local.

No meu caso conto com 3 supermercados perto da minha casa (existe um 4º a caminho). Por isso, aproveito para analisar os produtos essenciais aqui em casa (arroz, massa, produtos de limpeza, entre outros) em todos. Faço uma folha Excel, onde coloco todos os dados, e assim tenho uma noção de quanto custa estes produtos em cada uma destas escolhas.

Além dos supermercados, incluo também o comércio local. Porquê? Porque muitas vezes consigo ter acesso a “pechinchas” que nem nos supermercados com promoções consigo ter. Para não falar que ao comprar no comércio tradicional eu consigo comprar produtos mais frescos e, em grande maioria dos casos, 100% nacionais.

4. Não fazer deslocações desnecessárias

Embora eu tenha à minha disposição 6 supermercados num raio de 5km, opto somente por considerar 3 deles. Tudo porque os restantes 3 ficam ainda distantes, obrigando a perder mais tempo na deslocação ou, então, a ter que ir de carro, um gasto que acaba por encarecer as compras. Além disso, os preços praticados por esses 3 supermercados que ficam de fora acabam por ser iguais ou mais caros do que os 3 que estão mais perto da minha casa.

Lembra-te: embora seja o carro a carregar as compras, o gasto que tens com essa deslocação pode não compensar e acabar por “encarecer” o que trazes para casa.

Prateleira supermercado (Foto - Pexels)

5. Comprar produtos em fim de prazo

Esta é das minhas dicas favoritas de como poupar no supermercado. Porquê? Além de conseguir poupar cerca de 50% do valor quando comparado ao que pagaria em circunstâncias normais, estou a contribuir para a diminuição do desperdício alimentar. Um duplo benefício com um só gesto.

Como já estou habituada a fazer comprar, acabo por saber quais são os dias da semana em que este tipo de oportunidades surge com mais frequência. Por isso estou atenta e equaciono muitas vezes trazer estes produtos para consumo imediato ou até ao dia estipulado na embalagem (normalmente no dia a seguir ou até 2 dias).

Tal como em qualquer situação, é necessário analisar muito bem a pertinência desta dica. Só é válida se for um produto que se consuma mesmo e que já estava previsto comprar. Caso contrário não se trata de uma poupança mas sim de um gasto extra.

6. Ver os folhetos do supermercado

Por norma, antes de ir às compras, analiso os folhetos dos supermercados que costumo frequentar. Assim comparo a minha lista de falhas, vejo o que preciso e escolho o supermercado a que vou.

Em muitos casos, se existirem promoções que me beneficiem em mais do que um supermercado, analiso a minha folha Excel dos preços normais dos produtos essenciais e vejo onde é que é mais barato. Deste modo divido as minhas compras necessárias com base nesses preços e adiciono os produtos em promoção que necessito em cada um dos supermercados.

Frutas no supermercado

7. Comprar em quantidade quando é vantajoso

Compreendo que nem sempre é fácil despender de um valor mais avultado para aproveitar algumas promoções. Contudo, comprar em grande quantidade é uma das dicas de como poupar no supermercado que nem todos usam.

Dou um exemplo pessoal: aqui em casa consome-se café expresso diariamente. Por isso, um dos produtos que se compra com bastante frequência é, precisamente, o café em grão. Ora normalmente 250g custa 1,99€ (em promoção). Contudo, numa promoção feita num dos supermercados em dezembro do ano passado, 1kg de café dessa marca estava a 4,99€. Como nunca vi este preço anteriormente neste tipo de produto, decidi ficar alerta.

Fiz as contas para comparar os dois preços de promoção (o de 250g e o de 1kg). Resultado: 1kg da primeira opção ficava a 7,96€ (1,99€ x 4 pacotes de 250g, que perfaz 1kg). Dado que a diferença entre os dois preços era de 2,97€, e tendo em conta os consumos aqui em casa, optamos por comprar 4kg de café que nos dá para 1 ano. Com esta compra conseguimos poupar 11,88€.

Por isso, antes de fazeres qualquer compra, analisa a possibilidade de aproveitares uma promoção para fazeres stock para suprimir as tuas necessidades durante uns meses. Existem preços que dificilmente se repetem!

Quero saber: quais são as dicas que usas para poupar nas idas ao supermercado?